A árvore confusa...


Era uma vez, em algum lugar poderia ser qualquer lugar, e ao mesmo tempo poderia ser qualquer momento, um belo jardim, com maçãs, laranjas, pêras e lindas rosas, todas felizes e satisfeitas. Tudo era alegria no jardim, com exceção de uma árvore profundamente triste.
A pobrezinha tinha um problema: Não sabia quem ela era.
O que você precisa é concentração, disse-lhe a maçã, se você realmente tentar, você pode ter maçãs saborosas. Veja é fácil..
Não dê ouvidos, disse-lhe a rosa. É mais fácil ter rosas e veja como elas são lindas?
E a árvore desesperada, tentava tudo que lhe sugeriam e como não conseguia ser como os outros, sentia-se cada vez mais frustrada.
Um dia entrou no jardim uma Coruja, o mais sábio dos pássaros e vendo o desespero da árvore, disse-lhe:
- Não se preocupe, o problema não é tão grave, é o mesmo que muitos seres na Terra têm. Vou lhe dar a solução.
Não se dedique a ser o que os outros quer que você seja.Seja você mesma, conheça a si mesma e para conseguir ouça sua voz interior. E com isso, a coruja desapareceu.
Minha voz interior ...? Ser eu mesma ...? Conhecer-me ...?, perguntava-se a árvore desesperada, quando de repente, ela percebeu. Fechando os olhos e ouvidos, abriu o coração e finalmente foi capaz de ouvir a sua voz interior dizendo-lhe: - Você nunca dará maçãs porque você não é uma macieira, nem irá florescer a cada primavera, porque não é uma roseira. Você é um carvalho, e seu destino é crescer grande e majestoso. Forneça abrigo para os pássaros, sombra para os viajantes, beleza à paisagem ... Você tem uma missão, cumpra-a. E a árvore se sentiu forte e confiante e preparada para ser tudo aquilo para o qual foi destinada.
Assim, logo encheu o espaço e era admirada e respeitada por todos. E só então o jardim foi completamente feliz.
E você ... Permite deixar crescer o carvalho que há em você?
Na vida, todo mundo tem um destino a cumprir, um espaço para preencher. Não deixe que nada, nem ninguém lhe impeça de conhecer e compartilhar a maravilhosa essência do seu ser!
Daisaku Ikeda

SOLIDARIEDADE

"Se já dominas a ti mesmo, ampara aqueles que ainda não conseguem evitar a própria irritação.

Se te sentes com saúde, socorre o doente.

Se estás forte, auxilia aos mais fracos.

Se tens algum dinheiro, faze a doação de alguma parcela ao necessitado que espera a bênção de um pão.

Solidariedade é lei da vida.

Hoje consegues apoiar alguns, amanhã, talvez precisarás do apoio de todos."