Costa Leste dos EUA entra em alerta por furacão Earl

ILHAS HATTERAS, Estados Unidos (Reuters) - A aproximação do furacão Earl fez com que turistas e alguns moradores deixassem as ilhas da Carolina do Norte nesta quarta-feira, além de causar ondas perigosas e levar as autoridades a declararem estado de alerta em grande parte da Costa Leste norte-americana.
O governo da Carolina do Norte decretou estado de emergência, enquanto amplos trechos do litoral da Virgínia, Maryland e Delaware estão em estado de alerta ou observação nas próximas 36 a 48 horas.
Earl é um furacão da categoria 3 (na escala até 5), com ventos regulares de 205 quilômetros por hora. Ele se movimenta pelo Atlântico a leste das Bahamas, segundo o Centro Nacional de Furacões (CNF) dos EUA.
Os meteorologistas dizem que ele ainda pode chegar à categoria 4, mas não deve atingir a costa diretamente. O centro do furacão deve passar a menos de 160 quilômetros das ilhas Outer Banks, da Carolina do Norte, na noite de quinta-feira ou madrugada de sexta.
A tão pouca distância, ele deve causar chuvas, ventos, ressacas e correntes no populoso trecho de costa que vai da Carolina do Norte à Nova Inglaterra, justamente no feriado prolongado do Dia do Trabalho local (na segunda-feira), que marca o fim da temporada de verão.
Desde o furacão Bob, em 1991, nenhuma tempestade ameaçava um trecho tão grande do litoral norte-americano, segundo Dennis Feltgen, porta-voz do CNF.
Com base no trajeto previsto do furacão, o Departamento do Censo dos EUA estimou que 1,8 milhão de pessoas na Carolina do Norte e Virgínia possam sentir os efeitos do Earl nos próximos dois dias.
O Earl é uma tempestade grande, e seus ventos chegam à categoria de furacão num raio de 150 quilômetros a partir do centro, com ventos considerados de tempestade tropical se estendendo a 325 quilômetros.
Os meteorologistas disseram que uma zona de baixa pressão vinda do sudoeste pode empurrar o furacão para nordeste na quinta-feira, o que o manteria afastado da costa norte-americana.
"Se a curva ocorrer um pouquinho depois do que estamos prevendo, ele pode trazer mais ameaças ao extremo leste de Long Island ou ao sudeste da Nova Inglaterra", disse Bill Read, diretor do CNF, a jornalistas por teleconferência.
O Earl já causou nesta semana prejuízos de 50 a 150 milhões de dólares em bens assegurados nas ilhas Virgem, St. Maarten/St. Martin e Porto Rico, segundo a consultoria de riscos AIR Worldwide.

SOLIDARIEDADE

"Se já dominas a ti mesmo, ampara aqueles que ainda não conseguem evitar a própria irritação.

Se te sentes com saúde, socorre o doente.

Se estás forte, auxilia aos mais fracos.

Se tens algum dinheiro, faze a doação de alguma parcela ao necessitado que espera a bênção de um pão.

Solidariedade é lei da vida.

Hoje consegues apoiar alguns, amanhã, talvez precisarás do apoio de todos."